Imprimir Imprimir

Música ao Senhor

h-um minuto com deus
“Cantai-lhe um cântico novo; tocai bem e com júbilo.” – Salmo 33:3.

O maior livro da Bíblia é o livro dos Salmos. O tamanho deste livro que era o hinário dos judeus mostra a importância da música dentro da religião judaica. Ao lermos o livro dos salmos percebemos que os temas são bem variados. Abordam desde a tristeza pelo pecado até a alegria pela vitória e a necessidade de adoramos o único Deus verdadeiro.

O tempo passou mas a importância da música na adoração não diminuiu. Os cânticos representavam no passado e hoje devem representar a experiência dos filhos de Deus com o Seu Eterno Pai. Cada experiência que temos com Deus, seja de vitória, seja de contrição, seja na angústia pode e deve ser expressa por um cântico. O ato de cantar uma experiência facilita a recordação e possibilita expressar os sentimentos de forma mais ampla do que se a experiência fosse apenas recitada. Além disso o louvor cantado é uma forma de testemunhar do amor de Deus.

Muitas vezes nos acostumamos com alguns cânticos e acabamos decorando a letra e chegamos ao ponto de cantarmos automaticamente. Isso tira a vida e o sentido da música. É por esta razão que o Senhor pede que cantemos um cântico novo. O Senhor pede também que toquemos bem e com júbilo, ou seja, com ânimo. Infelizmente é muito comum vermos cristãos cantando com o semblante triste ou apático. Um louvor apresentado desta forma é um insulto ao Criador e melhor seria que nem cantássemos. O júbilo com que cantamos revela o nível de relacionamento que temos com Deus e nossa percepção de Sua presença.

A música de louvor deve sempre ser bem apresentada como um sacrifício de cheiro suave ao Senhor, algo sem defeito. “Tocai bem” é a recomendação do salmista. Devemos dedicar esforços para melhorarmos a forma de apresentação dos louvores nos cultos domésticos e na igreja. Infelizmente em muitos lugares o “louvor automático” através de CDs gravados por cantores profissionais tem substituído o canto realizado por pessoas comuns. Para Deus o canto perfeito é aquele que sai de um coração contrito, de alguém com espírito de gratidão e de alegria por ter um Deus tão grande e maravilhoso.

Ofereça hoje um canto novo ao Senhor.

Oração: Deus querido. Louvado seja o teu santo nome. Minhas palavras são insuficientes para expressar com canto a alegria que temos de tê-lo como meu Deus e Pai. Muitas são as bênçãos que o Senhor tem concedido a mim e por todas elas sou grato. Senhor, limpa o meu coração para que eu possa oferecer a ti um louvor perfeito como o de uma criança. Anda comigo hoje. Em nome de Jesus eu te peço. Amém.