Imprimir Imprimir

A Cadelinha da Fé

h-um minuto com deus
“E ele me disse: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. Por isso, de boa vontade antes me gloriarei nas minhas fraquezas, a fim de que repouse sobre mim o poder de Cristo. Pelo que sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco, então é que sou forte.” – II Coríntios 12:9 e 10.

Dentre as coisas impressionantes que vemos diariamente na internet uma delas me chamou especial atenção: Uma cadelinha que não têm as patas dianteiras. Esta cadela nasceu com este defeito e após ser abandonada por sua mãe foi adotada por uma família que lhe deu um abrigo e um nome bem sugestivo: Faith, que significa Fé, em inglês.

Há várias fotos e videos desta cadelinha na internet: No site oficial (www.faiththedog.net) e no youtube (basta procurar por Faith Dog). Comiseração é o primeiro sentimento que nos vem ao coração ao vermos as fotos e videos deste animal. “Pobre coitado deste animalzinho!” é a exclamação inicial e natural. Como um animal que foi criado para andar sobre quatro patas pode sobreviver com apenas duas? A pobrezinha vai ser obrigada a se arrastar como uma cobra a vida toda? No entanto, após gastarmos poucos segundos assistindo algum video com as performances de Faith percebemos que a limitação no número de patas não é um problema tão sério para ela, pelo contrário, a cadela parece ser uma criatura não apenas conformada com sua situação, mas também adaptada, ativa e feliz. Por andar “em pé” como um ser humano, Faith mantém sua cabeça numa posição bem mais elevada e não tem condição de ficar olhando para baixo, mas é obrigada a olhar para frente, sempre.

A cadelinha Faith é um exemplo de como nossas limitações podem não apenas ser superadas, mas também podem nos tornar pessoas melhores e mais fortes se tivermos fé. Quando nos sentimos fracos, quando temos consciência de nossas limitações, quando os problemas surgem, então buscamos ao Senhor e depositamos fé completa nele. Quando isso acontece podemos exclamar como Paulo: “Sinto prazer nas fraquezas” e também “quando estou fraco, então é que sou forte”.

Meu amigo. Não permita que suas limitações ou problemas o façam baixar a cabeça. Não viva arrastando-se pelo chão como uma cobra. Levante-se, olhe para a frente. Coloque sua cabeça numa posição mais elevada. Busque o Senhor hoje.

Oração: Amado Pai. Diariamente tenho te agradecido pelas bênçãos, pela proteção, pela saúde e vida. Hoje quero te agradecer pelos meus problemas e limitações pois compreendi que eles podem me tornar uma pessoa mais forte e melhor se eu tiver fé. Senhor, dá-me esta fé. Quero andar ao seu lado feliz, saudável, mesmo com minhas limitações. Seja minha força, Senhor. Em nome de Jesus eu te peço e te agradeço. Amém.